bilhete para pais

Bilhetes para pais: quando e como fazer?

Quantas vezes não sentimos dúvidas quando situações ocorrem em nossa sala de aula se devemos ou não escrever bilhetes  para os pais sobre o assunto. E o mais difícil como escrever esse bilhetes para mantermos o bom relacionamento com a família?

Organizei um pequeno guia para tentar ajudá-la nessa difícil tarefa.

Quando escrever bilhetes para pais?

Primeiro vamos refletir sobre qual nosso objetivo ao escrever esse bilhete. Queremos apenas comunicar aos pais algo que ocorreu na escola que envolva seu filho? Queremos que os pais tomem alguma providência? E o mais importante, escrever um bilhete é a única opção?

Antes de deixarmos a impulsividade guiar nossas mãos e sair escrevendo bilhetes aos pais, vamos considerar se o que temos a comunicar não seria melhor compreendido com uma conversa frente a frente. Se sim, então escreva um bilhete pedindo que os pais compareçam. Ou comente o ocorrido quando os pais vierem buscar a criança. Cuide para não expor essa criança ou pais se tiver mais gente presente.

E antes de tudo, se você não estiver segura, converse com a coordenação ou direção da escola para ver qual o melhor procedimento a ser feito na situação.

Situações importantes a serem relatadas por bilhete:

  • A criança se machucou (caiu, foi mordida, bateu a cabeça…), mesmo se não houver sangue ou galos. Esses ocorridos sempre devem ser avisados.
  • A criança teve febre ou apresentou algum desconforto (vomitou, esteve enjoado, dor de algum tipo, o nariz sangrou por causa do calor).
  • Escapou as necessidades na roupa.
  • Aconteceu algum coisa com a roupa (chinelo arrebentou, roupa rasgou, roupa manchou com tinta, levou por engano a roupa de outro).
  • Esqueceu de trazer algum material que havia sido solicitado para a atividade.
  • Algumas escolas pedem dinheiro para lembrancinhas, e normalmente o dinheiro vem dentro da agenda. Sempre anote que recebeu o dinheiro e a quantia. Se falta algo, escreva também.
  • Pedidos de materiais para atividades, ou para a própria criança (repor fraldas, repor caderno).

Essas situações listadas, mesmo que comentadas os pais,  eu aconselho fortemente que também faça um registro na agenda. Esse registro tem por objetivo proteger você, caso algo aconteça. Por que em alguns caso,  os pais podem esquecer que você falou com eles sobre o ocorrido.

Como escrever os bilhetes para pais:

  • Sempre ponha a data em que você esta escrevendo o bilhete. Isso irá ajudar você, em casos de pais contestarem que não viram o bilhete ou que você não tinha posto.
  • Inicie o bilhete com um comprimento amigável: Bom dia, Mamãe; Boa tarde, Família…
  • Seja objetiva ao escrever o bilhete.
  • Relate o que aconteceu e como (salientando se a criança fez sem querer ou se tinha intenção).
  • Complete com o que você ou coordenação fizeram a respeito (a criança foi medicada, o ferimento foi desinfetado, você conversou com a criança, combinou algo com essa criança).
  • E se deseja que os pais tomem alguma providência, deixei isso claro. (gostaríamos que conversasse com o Fulano sobre o assunto.)
  • Conforme a natureza do bilhete mostre que está disposta a conversar (qualquer dúvida venha conversar…)
  • Finalize com carinho. (Abraços, atenciosamente)
  • Assine, se o bilhete foi feito por você ou ponha o nome da coordenação se foi um bilhete solicitado que fosse enviado. Assim os pais sabem a quem devem recorrer se desejarem.

Como responder bilhetes dos pais:

Muitas vezes recebemos bilhetes dos pais, nem sempre amistosos, e não sabemos como responder. Darei algumas dicas de como escapar dessas sinucas.

  • Leia com calma o bilhete. Se o que esta escrito te irritou, deixei a resposta para outro momento.  Nem sempre os pais querem atingir os professores, as vezes, eles só não compreendem como funciona a rotina e as interações escolares.
  • Se for um pedido de informação, dê a informação de modo objetivo. E se forem combinações da escola ou da turma, saliente isso no bilhete. (Como havíamos combinado, em reunião, não pode trazer brinquedo de casa, por isso foi guardado na mochila….)
  • Bilhetes informando que a criança não esta bem, que o professor deve cuidar febre ou alimentação… Responda ao final do dia. Diga se a criança passou bem ou se foi preciso alguma intervenção.
  • Bilhetes reclamando de roupas ou materiais trocados, apenas responda que irá conferir se foi em outra mochila. Ou agradeça terem enviado o que foi errado e diga que devolveu.
  • No caso da pré-escola, acontece bastante de pais reclamarem que a criança perdeu algum material. Ou que a criança voltou pra casa com algo que deveria ter sido tirado da mochila. Nesses casos, relembre os pais que sempre que você encontra algo com o nome da criança pelo chão, você devolve. Mas saliente que esta trabalhando a autonomia e essas perdas podem acontecer.
  • Se pais fazem aquele bilhete gigante reclamando do comportamento de outra criança (meu filho foi mordido, meu filho disse que o coleguinha bate…). Responda de modo objetivo que irá conversar com as duas crianças para ver o que aconteceu e tomar as providência. Nunca confirme por bilhete que o outro bateu mesmo, ou tente mostrar a esses pais que foi seu filho que provocou. Se esse tipo de bilhete for recorrente, chame esses pais para conversar.

Exemplos de bilhetes:

Querida, família

Hoje o fulano caiu ao correr no pátio. Ralou o joelho. Desinfetamos o machucado e lhe demos colinho. Abraços, professara Ciclana.

Bom dia, mamãe

Fulano deixou escapar o xixi, (esqueceu de pedir/correu ao banheiro, mas não deu tempo). Foi trocada sua roupa. Atenciosamente, professora Ciclana.

Mamãe,

Durante a disputa de um brinquedo houve um desentendimento entre Fulano e Ciclana, e Fulano mordeu o braço da coleguinha. Conversei com ele sobre o ocorrido, e ele pediu desculpas.  Atenciosamente, professora Cida.

Mamãe,

Durante a a fila Fulano foi empurrado sem intenção pelo colega e bateu o braço no trinco da porta. Conversei com o outro coleguinha que pediu desculpas para Fulano. Colocamos gelo no seu bracinho. Atenciosamente, professora Ciclana.

Bom dia, família.

Como foi informado no bilhete do dia ____, hoje faríamos um aquário. Mas Fulano não trouxe o material solicitado. (Sendo assim, não pode realizar a atividade.) (Um coleguinha emprestou o material, por favor repor). Abraços, professora Ciclana.

Depois de muitos anos escrevendo bilhetes para os pais, sigo sempre essas dicas. E raramente tenho problemas com a família ou coordenação.

 

 

Comments

comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *