mês das crianças em Outubro

Por que comemoramos o mês das crianças em Outubro?

Durante o mês de outubro, no dia 12, mais precisamente, é comemorado aqui no Brasil o Dia das Crianças.

Mas por que comemoramos o mês das crianças em outubro?

Em  1950, por iniciativa das Nações Unidas, foi instituída esta comemoração pelo dia das crianças. E tinha como objetivo, chamar a atenção para os problemas que as crianças então enfrentavam. Naquela época em muitos países, crianças, mesmo pequenas, trabalhavam em ambientes insalubres, por muitas horas sem descanso e alimentação adequada.  Então os Estados-Membros reconheceram que todas as crianças, independentemente da raça, cor, religião, origem social,  ou país de origem, têm direito a afeto, amor e compreensão, alimentação adequada, cuidados médicos, educação gratuita, proteção contra todas as formas de exploração e a crescer num clima de Paz e Fraternidade.

Oficialmente, o dia é assinalado pela Organização das Nações Unidas (ONU) a 20 de novembro, data em que no ano de 1959 foram aprovados pela Assembleia-Geral da ONU os Direitos da Criança. Na mesma data (20 de novembro), mas no ano de 1989, foi adotada pela Assembleia-Geral da ONU a Convenção dos Direitos da Criança. No Brasil na constituição de 1988, o Governo Federal instituiu o Estatuto da Criança e do Adolescente, onde diz que “toda criança tem direito à educação, à saúde e moradia”. Mas em nosso país nem sempre isto acontece, existindo muitas crianças na rua, sem que ninguém cuide delas. Isto muitas vezes, leva-as a situação de vulnerabilidade e a marginalização.

Porém, cada país instituiu uma data diferente, de acordo com sua história e seus interesses.

No Brasil, esta data foi criada pelo deputado federal Galdino do Valle Filho. Na década de 60,  quando a fábrica de brinquedos Estrela e a Johnson e Johnson, lançaram a campanha do bebê robusto, que aumentou suas vendas, o que, então,consagrou aqui, o dia 12 de outubro, como o Dia das Crianças.

O comércio aproveita a época para lançar brinquedos, jogos e outros artigos direcionados ao consumo de crianças e adolescentes. Muitas pessoas são contra esta comercialização da data e ao incentivo do consumismo.

Mas como podemos tornar essa dada algo significativo para as crianças?

Professores, pais e parentes, podem tornar este dia, esta semana ou mesmo este mês em algo diferente. Onde prevaleça a integração entre as crianças, se fortaleçam laços de afeto e de amizade entre adultos e crianças e entre as próprias crianças. Podemos ensinar as crianças a se satisfazerem com brinquedos, jogos e outros objetos, não tão caros. Pode ser uma data para se discutir em casa, nas escolas e na mídia ações contra o consumismo desenfreado e também para melhorar a vida das crianças marginalizadas e das que sobrem abusos físicos ou morais. Isto só depende de nós.

Por que não fazer campanhas dentro das próprias escolas e famílias, para angariar roupas, comida, guloseimas e mesmo brinquedos, novos ou em bom estado, ou mesmo fazer brinquedos bem feitos , de sucata ou cartões para distribuir para famílias carentes? Ou tornar um dia ou vários dias do mês, em que os pais saiam ou brinquem mais com seus filhos? Ou em que as escolas proporcionem novas e divertidas experiências ou um pouco mais de tempo para os alunos brincarem, jogarem, conversarem e se divertirem? 

No nosso blog, tem várias sugestões de brincadeiras calmas, ou mais agitadas (veja aqui), receitinhas que podem ser feitas pelos pais e/ou professores , junto com as crianças e adolescentes (veja as receitase planejamentos para atividades diferenciadas. 

Observe se os presentes estão adequados pra a idade!

E em relação às guloseimas, roupas, livros, brinquedos, jogos ou outros objetos, que forem comprados para serem dados às crianças e adolescentes, vale lembrar que é necessário se informar se são adequados à faixa etária e maturidade de quem vai recebê-los, para que não aja perigo para quem recebe. Há pouco tempo tivemos a polêmica em relação aos “ spinners” , um dispositivo com três pontas arredondadas que gira ao ser apertado.  

O spinner,  nasceu com o propósito de ajudar crianças com autismo e transtorno por deficit de atenção ou hiperatividade. Este brinquedo que neste ano foi febre no mundo, foi considerado inseguro por autoridades alemãs, que confiscaram 35 toneladas deles. Foi explicado em um comunicado que o brinquedo pode significar uma ameaça, principalmente para as crianças pequenas porque as luzes  de LED podem se desprender facilmente, por exemplo, e as crianças podem engoli-las e  também não têm o selo de garantia de que é um brinquedo seguro para o manuseio, nem para que faixa etária de crianças ou adolescentes se destina.

Na realidade este brinquedo nunca se destinou a crianças menores de 5 anos de idade, mas para crianças maiores ou adolescentes. E se dado para crianças pequenas, realmente pode acabar causando problemas. Então se você quiser dar um presente para seus filhos e/ou alunos, tenha sempre em mente se são seguros, próprios para a idade deles e se não vão contra  princípios éticos. Procure informações principalmente sobre os livros, vídeos e jogos, que pretende presentear, além da informação do vendedor, e também leia a sinopse, um pedaço do livro e assista o vídeo e o jogo. Todo cuidado é pouco. Há uns tempos atrás existia um jogo que era muito dado para crianças pequenas, que depois se descobriu que a criança acumulava pontos, cada vez que fazia algo ruim ou contra a lei, como atropelar alguém, que quando os adultos começaram a  perceber isto, foi proibido.

mês das crianças em Outubro

Espero que neste Dia da Criança, as brincadeiras, a alegria, a integração e a amizade possam valer mais do que os brinquedos e objetos caros para as nossas crianças. Que mais que brinquedos ou coisas materiais, os sentimentos e  afetos sejam uma constante nos lares e escolas.

Um  Feliz Dia das Crianças e um grande abraço, Lilian Giulian Conzatti

Comments

comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *