Sacola Viajante

Sacola Viajante: Projeto de incentivo à leitura

Trago pra vocês um projeto de incentivo à leitura. A Sacola Viajante é um projeto muito interessante e fácil de se fazer, é como uma mini-biblioteca que vai até a casa do aluno ajudando a criança  e a família a terem contanto com os livros e novas histórias. Este é um projeto possível de se fazer durante todo o ano, do Maternal até as Séries Iniciais.

Projeto: Sacola Viajante

Sacola Viajante
Sacola Viajante com livro de registro

Justificativa:

Desejamos que nossas crianças sejam adultos leitores, para isso é necessário que desde cedo elas tenham contanto com boas histórias e que sintam o prazer da leitura. Sendo necessário que possam manusear e interagir com os livros infantis.

Objetivos:

  • Desenvolver o prazer da leitura e do escutar histórias;
  • Fortalecer o vínculo familiar;
  • Aprender a ter responsabilidades com material de terceiros;
  • Aprender a cuidar dos livros;
  • Aprender sobre diferentes narrativas;
  • Letramento;
  • Estímulo á criatividade;
  • Estímulo ao faz de conta;
  • Expressar-se com desenho;
  • Interpretação textual (oral).

Material:

  • Caderno de desenho: Decore a capa do caderno como desejar. Pode-se colar EVA nas capas como na imagem a cima e enfeitar.
  • Folha de contra-capa explicativa para os pais e Cabeçalho de registro em cada folha do caderno de desenho. (Baixe os modelos prontos que fiz para você: Contra-capa sacola Viajante e Cabeçalho Sacola viajante ).
  • Sacola decorada para levar os livros. Pode ser uma sacola dessas retornáveis, decore como achar melhor. Também pode-se usar pastas grossas com elásticas, ou construir uma sacola com retalhos de tecido.
  • Dois livrinhos de histórias infantis, pelo menos.

Idade:

Assim que as crianças começam a ter responsabilidade com seu material, que compreendam a necessidade de cuidar dos livros que estão levando pode-se fazer o projeto da Sacola Viajante. Eu aconselharia que fosse a partir dos 4 anos. Mas observe sua turma, pois cada grupo de crianças tem suas características e, talvez o projeto funcione com turma de idades inferiores.

Como fazer:

  1. Decore a sacola e o caderno. Peça para seus alunos ajudarem nessa decoração.
  2. Escolha dois livros infantis com histórias e imagens bem legais que caibam dentro da sacola.
  3. Escolha os dias em que a Sacola Viajante irá para casa da criança e qual dia da semana ela deve retornar. A sacola vai passando da casa de um por um, até que todas as crianças tenham tido a oportunidade de recebê-la.
  4. Sente com as crianças em roda e explique que a Sacola Viajante irá um dia para casa de cada colega. E que quando essa estiver com a criança, ela pode ver os livrinhos. Diga para pedir para os pais lerem as duas histórias para a criança, e depois a criança deve escolher a história que mais gostou e representá-la com desenhos no caderno de registro.
  5. Antes de mandar a sacola para casa, converse com seus alunos sobre os cuidados necessários com os livros. E reforce que os livros são de todos e devemos trazê-los sem riscos, sem amassados ou rasgados…para os colegas poderem ler também.
  6. Quando a sacola voltar para a escola, sente com as crianças novamente, pode ser no momento da rodinha, e mostre o desenho feito. Peça para a criança contar o que gostou na história e como foi a experiência.
  7. Vá repetindo a atividade para todas as crianças. Depois que todas receberam os livrinhos, você pode trocar os livros da sacola e reiniciar o processo.

Dicas extras de como trabalhar o projeto:

  • Tenha um caderninho ou uma folha de controle das visitas: anote o nome da criança e a data que ela levou a sacola. Assim você não corre o risco de enviar duas vezes para a mesma criança, e caso a sacola demore a voltar você lembra quem levou.
  • Reforce com os pais, em reuniões ou bilhetes enviados para casa, da importância da leitura e desse projeto. E também da importância das crianças realizarem os desenhos sozinhas. Pela minha experiência os pais querem deixar o livro de registro bonito e acabam eles fazendo os desenhos.
  • Se sua turma for numerosa, faça duas ou três Sacolas Viajantes, para que as crianças não demorarem muito em receberem a sacola. Vá alternando as sacolas entre as crianças, assim ao final do ano todas receberam todas as sacolas e leram vários livrinhos.
  • Se você tiver famílias analfabetas, escolha livrinhos apenas de imagens. E incentive esses pais a contarem as histórias através das imagens, inventando as histórias. E depois as crianças podem reproduzi-las. Isso fortalecerá o laço familiar, os adultos se sentirão bem em poder contar a história e as crianças poderão perceber o prazer do contato com os livros incentivando seus interesses em livros com letras mais adiante.
  • Se algum livro vier rasgado ou estragado, chame a criança responsável em particular. Reforce sua tristeza pelo estado do livro e proponha que a criança ajude a consertar o livro. Se for o caso, negocie para essa criança trazer um novo livro, pode ser um que tenha em casa.
  • Conforme a realidade de sua escola, se esta tiver biblioteca, faça uma Sacola Viajante para cada criança. Quando visitarem a biblioteca, uma vez por semana ou duas, as crianças escolhem um livrinho para levar e fazem o registro desse livro. Depois na roda, as crianças contam aos colegas sobre a história levada.
  • Para trabalhar a Sacola Viajante nas Séries Iniciais o caderno de registro pode ser de linhas, no qual a criança irá escrever um pequeno parágrafo sobre a história que gostou e completar com desenho. Ou para evitar que os pais escrevam ao invés da criança, mantenha o registro de casa apenas com desenho e em sala entregue uma folha para a criança escrever suas percepções sobre a história. E vá montando um livrinho da turma.

Gostaram do projeto?

Desejo ótimas leituras a vocês.

Abraços, Shana Conzatti.

Comments

comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *