Educa Criança
carinhos quentes

Carinhos Quentes: Sequência Didática da Gentileza

Na minha infância meus pais me contavam uma história chamada carinhos quentes, que penso ser perfeita para compartilhar com vocês nesse dia 13 de novembro, o dia Mundial da Gentileza.

Organizei uma sequência didática com essa história linda para vocês trabalharem com seus alunos.

História Carinhos Quentes:

Em um lugar distante, todos que ali nasciam recebiam um saquinho cheio de carinhos quentes.

As pessoas distribuíam seus carinhos para todos. Bastava por a mão no saquinho e tirar um carinho fofinho e entregar para a outra pessoa. Assim que a pessoa recebia aquele carinho ela se sentia feliz.

Mas chegou no lugar uma bruxa má. Ela desejava vender remédios de felicidade para as pessoas. Mas ninguém, ali, comprava seus remédios, pois eram todos felizes enquanto trocavam seus carinhos quentes.

A Bruxa fez um plano, se vestiu de velhinha e começou a andar pelas ruas da cidade. Espalhou a mentira de que os carinhos quentes iriam acabar se as pessoas continuassem a dá-los para todos.

As pessoas com medo de ficarem sem seus carinhos quentes, começaram a guardá-los apenas para si. Ninguém mais trocava carinhos quentes, e cada vez mais as pessoas iam ficando tristes e assim compravam o remédios da felicidade da Bruxa.

Mas aquele remédio durava pouco e as pessoas precisavam sempre comprar mais e assim trabalhavam cada vez mais. E em consequência se sentiam cada vez mais infelizes.

Até que um dia uma mulher chegou ao lugar. E sem saber da história de que os carinhos quentes eram finitos, começou a distribuir de graça seus carinhos quentes.

As pessoas ficaram impressionadas e preocupadas. Mas a mulher afirmava que quanto mais carinhos quentes ela distribuía mais seu saquinho ficava cheio. E mostrou para as pessoas como seu saquinho de carinhos quentes estava fofinho e quentinho.

E assim as pessoas, daquele lugar, perceberam que carinhos quentes só se reproduzem quando são compartilhados com os outros. E voltaram a distribuir seus carinhos para todos com abundância, e todos voltaram a serem felizes.

A Bruxa sem mais conseguir vender seus falsos remédios da felicidade, foi embora.

Autor: Desconhecido. História adaptada por : Shana Conzatti.

Sequência Didática dos Carinhos Quentes:

Essa sequência didática tem como objetivo principal estimular a gentileza e a troca de afeto entre as crianças. Fortalecendo o respeito, a sensação de amizade e valorização do outro. Sendo uma importante estratégia para enfrentar com o bullying.

1. Conhecendo a história:

  • Conte a história de modo criativo (varais, fantoches, palitoches…).
  • Faça questionamento para as crianças para elas compreenderem a história e interpretarem os acontecimentos: questione o que são carinhos quentes?
  • Em uma folha de cartolina ou papel pardo desenhe um grande saco. Deixe que as crianças o pintem com tinta bem colorido.
  • Dentro do saco cole as palavras que as crianças foram dizendo ou escrevendo do que eram os carinhos quentes.

2. Construção de carinhos quentes:

  • Proponha que as crianças criem os carinhos quentes: pode-se fazer com bolinhas de algodão (a criança enfeita o algodão colando lantejoula ou pedaços de papel ou colorindo o algodão, também pode-se por pés e rosto no algodão).
  • Entregue saquinhos de tnt para as crianças colocarem seus carinhos quentes.
  • As crianças em processo de alfabetização, podem escrever palavras positivas (amor, felicidade, saúde…) em tirinhas e papéis e colar nos carinhos quentes.

3. Distribuição de carinhos quentes aos colegas:

  • Separe alguns carinhos quentes para a outra atividade. Os restantes dos carinhos quentes deixe com as crianças em seus saquinhos.
  • Proponha que as crianças andem pela sala enquanto a música toca. Quando a música parar a criança deve abraçar o colega que estiver mais próximo e ambos devem trocar depois seus carinhos quentes.
  • Depois coloque as crianças em círculo e diga para elas mostrarem os carinhos que receberam: elas podem contar de quem receberam, ler as palavras, comentar sobre a experiência.
  • Os saquinhos de carinhos quentes podem ser guardados em sala para que se repita essa brincadeira em vários momentos durante o ano. Pode-se fazer que tenham que dar um beijo no rosto, falar um elogio ao colega, abraçar antes de trocarem os carinhos quentes.

4. Compartilhando com o mundo:

  • Pegue os carinhos quentes guardados, coloque-os dentro de uma cestinha ou saquinhos. Prenda nos carinhos quentes um cartãozinho dizendo que aqueles são carinhos quentes e que devem sempre ser compartilhados.
  • Proponha um passeio com as crianças nas redondezas da escola, o objetivo é as crianças irem distribuindo os carinhos quentes para quem passa juntamente com um abraço apertado. Elas podem também contarem sobre a história e por que estão distribuindo os carinhos quentes.
  • Se sua escola ou turma não são adequadas para o passeio, proponha um encontra na escola com as famílias. Conte a história e deixe as crianças distribuírem os carinhos  entre todos, não apenas entre seus familiares. Depois as famílias podem fazer uma atividade em conjunto (ideias AQUI).

5. É bom doar carinhos quentes?

  • Sente com as crianças e deixe que elas contem como se sentiram ao receberem os carinhos dos colegas e depois como foi distribuí-los para as outras pessoas.
  • Questione as crianças que outras coisas elas podem fazer para trazer felicidade aos outros? E também de coisas que não são legais de fazer para os colegas (bater, debochar…) por que estes ficam tristes e se um está triste todos também estão, pois os carinhos devem ser compartilhados com todos.
  • Monte um cartaz com desenhos e falas/escritos das crianças contando a experiência e história para incentivar outras pessoas a compartilharem seus carinhos quentes.

Material de apoio:

Gostaram? Aproveitem e distribuam muitos carinhos quentes!

Abraços, Shana Conzatti.

Recebas as novidades de atividades, projetos e brindes em seu e-mail, se inscreva em nossa Newsletter!

http://educacrianca.com.br/lojinha/

 

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: